Porque Seu site não atrai clientes e como mudar isso rapidamente

Um mundo de possibilidades...

 

Nos dias de hoje, a internet se tornou uma ferramenta incrível para potencializar qualquer tipo de venda, seja ela de produtos ou de serviços.

Para o ramo da Arquitetura, a história não é diferente.

O potencial de um website para a captação de clientes em nosso mercado é muito grande, mas ainda são pouquíssimos os arquitetos e designers de interiores que sabem como fazê-lo da melhor forma.

O que a grande maioria dos escritórios faz é manter na internet o que podemos chamar de “site-portfolio”. Ou seja, colocam lá seus projetos de maior destaque (mostrando como eles são demais!), seus dados profissionais, e-mail, telefone, e só.

E então rezam esperando que alguém milagrosamente acesse seu site!

rezando

É claro que tais informações de praxe são importantes, mas os sites que disponibilizam somente isso acabam atraindo apenas vendedores, corretores de imóveis, etc.

Aí você me pergunta: Ok, mas e aí, qual a solução?

 

Pois então lá vão 03 dicas para mudar essa situação:

 

DICA 01 – Inclua conteúdo instrutivo

Uma das melhores formas de gerar visitas para o seu site é adicionando conteúdo de qualidade, de real interesse e que resolva problemas do seu público-alvo.

É uma ótima estratégia, pois gera tráfego qualificado. Traduzindo: o conteúdo instrutivo atrai para o seu site pessoas que realmente tem interesse naquele assunto. Ou seja, clientes em potencial.

profe

 

O “marketing de conteúdo”, como é conhecido, também funciona para arquitetos e designers.

Quando buscarem no Google, as pessoas que estão querendo solucionar dúvidas e procurando serviços como os que você oferece terão grandes chances de encontrar seu site.

Existem técnicas específicas para deixar o seu website melhor posicionado nos resultados do Google (técnicas de SEO), e também estratégias diversas de publicidade online. Como esse é um assunto bem amplo, vou tratar disso em um próximo artigo bem específico.

Obviamente, ofereça conteúdo que tenha relação com o seu serviço e seu público-alvo.

Se um dos seus focos é arquitetura residencial, por exemplo, você pode oferecer uma listagem de quais os principais itens a verificar antes de comprar um terreno para construir uma casa, vídeos com dicas de reforma e manutenção para o lar , quais os cuidados que você deve ter ao contratar profissionais da construção, como funciona e quanto demora um processo de aprovação na prefeitura, dicas para reformar uma cozinha, etc.

Disponibilize materiais para pessoas em diversos estágios de decisão: aqueles que estão pensando em construir ou reformar, aqueles que estão decididos a fazê-lo mas ainda não sabem direito como, e aqueles que já sabem o que querem e estão realmente buscando um profissional para desenvolver os projetos.

Cada estágio tem suas peculiaridades. Enquanto uma pessoa está apenas pesquisando estilos de fachada para a casa, outra já pode estar pesquisando quais os projetos complementares ao arquitetônico que precisam ser contratados, por exemplo.

Acompanhe o cliente passo a passo, até a contratação...

Acompanhe o cliente passo a passo, até a contratação…

Essa estratégia de disponibilização de conteúdo gera um sentimento de reciprocidade, posicionando você como referência no assunto diante do potencial cliente. Desta forma, muitos irão lembrar de você na hora de contratar um(a) arquiteto(a).

Mas lembre-se: o conteúdo oferecido deve ser de qualidade e realmente ajudar os visitantes!

Outra estratégia muito eficiente é a de oferecer materiais para download. Podem ser planilhas para organização de cronogramas de obra, PDFs com as exigências legais para diferentes tipos de edificações, check-lists e outros materiais que possam resolver problemas e dúvidas dos visitantes. Em troca, peça o e-mail do visitante e coloque-o em sua lista de prospectos.

botao download

 

Agora, tendo o e-mail do prospecto em seu banco de dados, você deve então manter relacionamento, enviando conteúdo pertinente periodicamente. Um e-mail por semana, por exemplo.

Atenção: cuidado para não ser chato, envie apenas informações úteis e que realmente possam ajudar as pessoas!

 

DICA 02 – Estimule a interação

Como você bem sabe, vender serviços profissionais é bem diferente de vender um produto físico. Você precisa ouvir o que o potencial cliente quer, entender quais são seus problemas e desejos.

As interações positivas iniciam um relacionamento, gerando confiança e comprometimento.

Para induzir os visitantes a interagir com a sua página na internet, aqui vão algumas dicas:

– Publique artigos onde os visitantes possam postar comentários;

– Tenha uma FAQ para tirar as principais dúvidas dos visitantes, e onde eles possam fazer perguntas;

– Faça enquetes sobre temas que estejam relacionados com seu trabalho e principalmente com o seu público-alvo, podendo aproveitar essa ferramenta para direcionar seus serviços à demanda percebida;

– Adicione opções de “curtir” e de compartilhamento em redes sociais (isso pode ser feito através de plug-ins especiais a serem instalados no site, como este aqui à esquerda da tela).

social media

 

Com estas simples ações, pode-se gerar engajamento dos visitantes com o seu website, destacando-o muito dos concorrentes. Pode parecer simples demais, mas é um grande diferencial aos olhos do público. As pessoas gostam de participar e de ser ouvidas.

Com uma implementação séria e bem focada, isso pode transformar sua página virtual em uma comunidade de pessoas em torno de assuntos em comum, e não apenas mais um canto esquecido no vasto universo da internet.

 

DICA 03 – Inclua “provas sociais”

Inclua depoimentos de clientes satisfeitos com o seu trabalho. Pode ser em forma de texto, e ainda melhor e mais persuasivo se for em vídeo ou áudio. As provas sociais são uma das melhores táticas de persuasão, e ajudam a estabelecer confiança e credibilidade ao seu serviço.

Ao fim de qualquer experiência de sucesso junto a seus clientes, encoraje-os a deixar testemunhos de seu trabalho e publique-os no site.

testimonial

Ao final, você pode afirmar: “Mas serviço de arquitetura é diferente de um produto físico, que você pode enviar para qualquer parte do país pelos correios.

Sim, certamente. Porém, você pode focar o mercado de sua região, deixando bem clara a zona de abrangência do seu atendimento e priorizando o conteúdo e a publicidade do seu site para a sua região. É fácil fazer essa segmentação. Este assunto também será tratado no próximo artigo que estamos preparando sobre o uso da internet para alavancar seus negócios.

Além disso, como hoje em dia muitas coisas podem ser resolvidas online, é possível você expandir seus horizontes de atendimento, aumentando sua abrangência. A internet está aí e é uma grande oportunidade, não deixe ela passar!

 


O assunto de internet para arquitetos e designers é extenso. Existem diversas outras estratégias para atrair clientes ao seu escritório pela internet, que vamos cobrir em outros artigos: mídias sociais, SEO, publicidade paga e orgânica, formas fáceis e baratas de montar um website ou blog, etc.

Entretanto, as dicas que foram expostas aqui hoje já são um grande começo. Sendo executadas da maneira correta, posso garantir que vão gerar ótimos resultados!

Com o valor de apenas um bom projeto advindo do seu site, o investimento que você fizer nessas mudanças já estará pago.

Espero que tenha gostado das dicas de hoje. Não esqueça de deixar seus comentários e sugestões ao final desta página!

 

Acesse o campo de cadastro ao lado deste artigo e cadastre-se gratuitamente para receber CONTEÚDO EXCLUSIVO e dicas muito bacanas para se destacar como profissional de Arquitetura!

 

Imagens: Creative Commons

13 Comments

  • Auri Deusdará disse:

    Parabéns pela dicas, são maravilhosas. Estava atirando por todos os lados, mas depois que assisti os videos e li a matéria correspondente, encontrei um norte. Vou seguir esse norte, acreditando e confiando que vai dá certo. Vou segui-las à risca.

    • Paulo R. Mezzomo Paulo R. Mezzomo disse:

      Muito obrigado pelo comentário, Auri!! Pode ir firme e confiante pois essas dicas são comprovadas em casos reais de uso. Qualquer dúvida fique à vontade para entrar em contato!
      Grande abraço!!

  • Sö uma coisa, acho os conteúdos maravilhosos,
    nesse só excluiria a parte dos “vendedores chatos”,
    afinal arquitetos não passam de vendedores de projetos.

    • Paulo R. Mezzomo Paulo R. Mezzomo disse:

      Muito obrigado, Aloisio!! Fico feliz que esteja acompanhando os conteúdos. Sobre os vendedores, em momento algum quis dizer que todos os vendedores são chatos, afinal, todos temos que ser vendedores de nossos produtos ou serviços, em qualquer profissão. Mas concordo com a sua colocação, pois do jeito que estava colocado no texto poderia ocorrer essa interpretação, então editei. Abraço e obrigado pela colaboração!!

    • MAURO JACQUES disse:

      Aloisio, arquitetos não vendem projetos, vendem uma experiência de serviço para atingimento de um fim, que é a construção ou reforma do espaço do cliente.

  • Adriano de Sousa Pereira disse:

    Muito boa as dicas. Estou acompanhando o site e tem sido muito instrutivo para eu tomar as decisões que estou delineando.

  • Mateus Cardoso disse:

    Estou em processo de abrir meu escritório e descobrir seu site foi uma grata surpresa, seu conteúdo é fantástico e com certeza vai me ajudar bastante.

  • Rachel Marques de Sá disse:

    Muito bom!

  • rubia moraes disse:

    Realmente muito proveitoso o texto, pois nosso site tem atraído apenas candidatos a vagas estágio e isso nos chamou muita atenção, precisamos mudar… com algumas estratégias e assim atrair clientes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *